Aprenda Danças Jamaicanas

Aprenda Danças Jamaicanas

Como eles se desenvolveram em um ambiente colonial, para aprender danças jamaicanas é preciso estar preparado para explorar uma rica mistura de influências e características. De certa forma, aprender as danças jamaicanas é aprender as danças de todo o mundo, pois a ilha tem sido uma encruzilhada para as culturas da Europa, África e Américas por séculos.

Explorando a história das danças jamaicanas

A Biblioteca Nacional da Jamaica identifica mais de duas dúzias de danças tradicionais para a Jamaica, divididas não tanto por cultura quanto por propósito. A dança tem sido uma parte tão integral da vida cotidiana que faz mais sentido dividir, por exemplo, danças de adoração de danças para o trabalho e danças para brincar. Três divisões principais começam a classificação das danças jamaicanas: derivadas africanas, derivadas européias e crioulas. Cada classificação contém seu próprio subconjunto de danças também:

  1. Derivado Africano
    1. Religiosos – Usada para induzir um estado de transe e preparar a dançarina para ser "possuída" por seus deuses e espíritos
      1. Kumina
      2. Myal
      3. Pocomania
    2. Social
      1. Etu
      2. Quadrilha
      3. Maypole
  2. Derivado europeu – Não da dança de salão, essas danças eram mais de ambientes de trabalho e de "ring games", em que as crianças dançavam suas danças favoritas dentro de um círculo de amigos, depois selecionavam um parceiro para dançar.
  3. crioulo – Integrando influências africanas e europeias
    1. Jonkonnu
    2. Bruckin's
    3. Renascimento
    4. Pukkumina (uma versão do renascimento ainda popular na Jamaica)
    5. Dinkie mini

Tradição e Traje: o Jonkonnu

Como muitas culturas que adotaram e ajustaram suas tradições para combinar com seus colonizadores cristãos, as observâncias religiosas africanas e crioulas resultaram no festival de Hosay, durante o qual a dança tradicional de Jonkonnu é executada. Esta dança tem personagens de ações que executam movimentos de dança específicos como o desfile viaja pelas ruas – "Pitchy Patchy" fazendo cambalhotas, ou a "Belly Woman" movendo seu estômago rotundo no tempo da música.

Embora a dança seja considerada secular, eles são realizados no dia 26 de dezembro e no dia de Ano Novo, e mais nas áreas rurais do que nas grandes cidades.

Aprenda Danças Jamaicanas de Hoje

Enquanto a contribuição da Jamaica para a world music é bem conhecida através do Reggae e do Dancehall, também produziu excelentes coreógrafos e músicos. A Companhia Nacional de Teatro de Dança da Jamaica foi formada por Rex Nettleford, Eddy Thomas e Ivy Baxter para ajudar ainda mais a arte de ajudar outras pessoas em todo o mundo a aprender danças jamaicanas. Olive Lewin e Edna Manley também foram influentes. Talvez o mais conhecido dançarino ou coreógrafo contemporâneo seja Garth Fagan, que não apenas lidera sua própria companhia de dança, mas também coreografa o espetáculo da Broadway. O rei Leão, pelo qual ele recebeu um Tony Award.

Salão de dança

Também conhecida como ragga, a dancehall music contém elementos do hip hop, ska, soca e da música reggae rastafari. Alguns dos mais famosos artistas jamaicanos incluem Byron Lee, Fab 5 e Lovindeer. Com um estilo rápido e intrincadamente rítmico, muitos dos movimentos do dancehall foram desenvolvidos com base nas letras das próprias canções. Isso levou a alguns nomes muito incomuns para as músicas e as danças:

  • O Myspace
  • O Bogle
  • Blazay-Blazay
  • Pon o rio, Pon o banco
  • Bob Esponja
  • Tek Weh Yuhself
  • Vinho Duty

O último exemplo, "Dutty Wine" (Dirty Wind), de Tony Matterhorn, tem sido fonte de alguma controvérsia na Jamaica. Dyema, bailarina profissional de Montego Bay, criou a dança e popularizou-a com seu grupo de dançarinos. Realizada por mulheres, envolve a rotação do pescoço e das nádegas, enquanto ao mesmo tempo move os joelhos para dentro e para fora em um movimento semelhante a uma borboleta. Outros movimentos, como as divisões, também foram acrescentados por dançarinos mais avançados e, à medida que ganhou popularidade, algumas lesões na dança começaram a ser vistas entre as jovens que a executavam. Apesar das advertências médicas contra a dança, ou talvez por causa disso, a dança se espalhou pelo mundo. Mesmo uma morte relatada (que pode ou não ter sido relacionada à realização da dança) não conseguiu reduzir seu apelo, embora tenha havido movimentos dentro do governo jamaicano para bani-la.

Este é apenas um exemplo da rica e variada história das danças jamaicanas, uma bela parte de uma bela ilha e cultura.

Assista o vídeo: Dança Jamaicana – 3ºA (HD 1080p)

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading...
Like this post? Please share to your friends:
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: